Treinador do time que mais se movimenta na janela de transferências de inverno, Antonio Conte afirmou que o mercado é um potencial vírus que precisa ser contido por causa das constantes especulações sobre nomes que possam ser contratados.

A Internazionale de Conte fechou com Ashley Young, na última sexta-feira, e ainda está ligada a negócios por Christian Eriksen, Olivier Giroud e Victor Moses. Houve também uma tentativa de troca entre Matteo Politano e Leonardo Spinazzola com a Roma.

“Tomei uma decisão técnica sobre a troca Spinazzola-Politano. É tudo que posso dizer. Depois disso, outras coisas aconteceram que não estão sob minha jurisdição, então você teria que perguntar a outra pessoa. Pediram minha opinião, eu dei, posso ter sido ouvido ou não. Matteo estava decidido a jogar na Roma e queria ficar lá”, afirmou.

“Este é o período mais difícil da temporada para o treinador porque há constantemente nomes nos jornais, algumas histórias são verdadeiras, outras não são. A janela de transferências é como um potencial vírus que precisa ser contido”, completou.

Conte encheu o novo reforço Young de elogios, mas disse que ele ainda não está pronto para jogar contra o Lecce, neste domingo, às 11h. “Ashley é super experiente e jogou tanto na direita quanto na esquerda pelo Manchester United. Nasceu um ponta, mas pode jogar como quinto homem de meio-campo. Ele não tem jogado muito recentemente na Premier League, então levará algum tempo para entrar em forma”, encerrou.