A atacante Sam Kerr chegou a 28 gols nas últimas 29 partidas com a camisa da seleção australiana ao marcar todos na goleada por 4 a 1 sobre a Jamaica, nesta terça-feira, na última rodada da fase de grupos da Copa do Mundo. O placar, combinado com a vitória do Brasil por 1 a 0 sobre a Itália, deixou a Austrália em segundo lugar no grupo, no critério de desempate: oito gols a favor contra seis das brasileiras – os dois times empataram no saldo. Bom para fugir de França e Alemanha. A adversária das australianas nas oitavas de final será a Noruega, em Nice, no próximo sábado, às 16h (Brasília). 

Bola aérea

Foi a grande arma da Austrália. Kerr marcou seus dois gols desta maneira, um aos 10 minutos do primeiro tempo, outro aos 41. As bolas cruzadas na área também produziram um estrondo no travessão jamaicano. A goleira McClure precisou trabalhar para espalmar a testada da craque australiana e evitar um prejuízo maior no primeiro tempo. 

Reação

Mais ou menos pro final do primeiro tempo, a Jamaica começou a chegar um pouco mais, sem muita coisa a perder. E, depois de levar perigo algumas vezes, marcou seu primeiro gol na Copa do Mundo quando Solaun saiu em profundidade, entrou na área, driblou a goleira Williams e marcou um belo gol. 

Para matar o jogo

A Jamaica continuou crescendo e finalizando mais do que a Austrália, que fazia um primeiro tempo bem abaixo do que pode. Mas, outra vez, os cruzamentos resolveram a parada. Hayley Ras fez boa jogada individual pela direita e cruzou. Sashana Campbell errou o domínio, ou o corte, ainda está incerto, e deixou a bola aos pés de Kerr, que somente empurrou às redes para completar sua tripleta. 

Garantindo o segundo lugar

Não dá nem para dizer que chegou a notícia a Grenoble que o Brasil havia feito 1 a 0 sobre a Itália, o que significava que a Austrália precisaria de mais um gol para fugir do terceiro lugar. Porque não houve uma mudança de postura significativa das Matildas e o quarto gol foi um baita presente de Festa Junina da goleira Nicole McClure para Kerr. McClure tentou sair jogando, não conseguiu, foi desarmada e levou o quarto gol. 

Terceira vez

Sam Kerr foi a terceira jogadora da história da Copa do Mundo feminina a marcar quatro gols em um mesmo jogo. A primeira foi Michelle Akers, na edição inaugural de 1991, com cinco na goleada dos Estados Unidos por 7 a 0 sobre Taiwan. A segunda, também americana, foi Alex Morgan, com outros cinco no 13 a 0 contra a Tailândia, semana passada. 

Ficha técnica

Jamaica 1 x 4 Austrália

Local: Estádio dos Alpes, em Grenoble
Árbitra: Katalin Kulcsar (Hungria)
Gols: Havana Slaun (JAM); Sam Kerr, quatro vezes (AUS)
Cartões amarelos: Konya Plummer (JAM); Emily van Egmond (AUS)

Jamaica: Nicole McClure; Sashana Campbell, Konya Plummer, Allyson Swaby e Den-Den Blackwood; Khadja Shaw, Chantelle Swaby e Toriana Patterson; Mireya Grey (Jody Brown), Tiffany Cameron (Havana Solaun) e Cheyna Matthews (Trudi Carter). Técnico: Hue Menzies

Austrália: Lydia Williams; Ellie Carpenter, Alanna Kennedy, Steph Catley e Karly Roestbakken; Emily van Egmond, Chloe Logarzo, Katrina Gorry (Aivi Luik), Emily Gielnik (Caitlin Foord) e Lisa de Vanna (Hayley Raso); Sam Kerr. Técnica: Ante Milicic