Logo depois de assumir a vice-liderança da Premier League, o Tottenham sofreu um revés inesperado e caiu para terceiro. Em casa, chegou a abrir o placar contra o Wolverhampton, mas levou a virada para 3 a 1. O time de Mauricio Pochettino não perdeu tempo lambendo as feridas e se recuperou derrotando o Cardiff, fora de casa, por 3 a 0, com todos os gols marcados nos primeiros 25 minutos da partida.

Como é comum em partidas do Tottenham, o destaque foi Harry Kane. O artilheiro abriu o placar, meio que por acaso. Ele abriu a bola na direita com Trippier e entrou na área para completar. A bola, porém, bateu na defesa e em seu corpo antes de passar pelo goleiro Etheridge.

Kane seguiu como um bom garçom nos outros dois gols do Tottenham. Foi dele o passe de primeira no meio-campo que abriu o jogo para Sissoko. Son recebeu e deu para Eriksen, que recebeu na entrada da área, limpou a marcação e bateu no canto. No terceiro gol, Sissoko arrancou e tocou para Kane que, de primeira, deixou Son em boa posição para fazer 3 a 0.

O Tottenham reassume, temporariamente, a segunda posição, com 48 pontos. O líder Liverpool, com 54, e o terceiro colocado Manchester City, com 47, enfrentam-se na quinta-feira.