Com jogadores como Saúl, Asensio e Bellerín, a Espanha é uma das favoritas ao título do forte  Europeu sub-21. E vem confirmando as expectativas em campo: aplicou inapeláveis 5 a 0 sobre a Macedônia, na primeira rodada, e emendou com uma vitória categórica sobre Portugal, outro time que promete boas apresentações na Polônia. A vitória por 3 a 1, nesta terça-feira, teve pelo menos três golaços.

LEIA MAIS: As convocações do Europeu Sub-21 já mostram bem como o torneio será interessante

O primeiro foi marcado por Saúl, abrindo o placar da partida em Gdynia. O jogador do Atlético de Madrid pegou a bola na intermediária, passou por três adversários e ficou de frente para a área. Levou com a perna esquerda para o meio, driblando outros dois marcadores, e bateu para o gol. A bola cruelmente desviou na defesa, impedindo o gol de ser ainda mais bonito.

 

O segundo gol da Espanha também foi bastante interessante: rápido contra-ataque, Deulofeu recebeu na ponta direita e cruzou na medida para Sandro Ramírez ampliar. Foi um jogo em que as duas equipes dividiram a posse de bola, e Portugal deu mais chutes a gol, 14 contra sete, mas os espanhóis foram mais eficientes.

No entanto, quando a vitória parecia tranquila, Bruma, novo jogador do RB Leipzig, pegou um rebote de primeira, de fora da área, e mandou no ângulo. Um baita golaço:

 

Nos acréscimos, Portugal pressionava em busca do empate quando Ruben Semedo falhou e entregou a bola para Iñaki Williams, que arrancou desde o meio-campo e só parou dentro das redes de Bruno Varela. Outro belo gol:

 

Com a vitória, a Espanha garante classificação às semifinais do Europeu sub-21. Portugal, com três pontos, leva vantagem contra a Sérvia e a Macedônia, ambas com apenas um. Encara os macedônios na última rodada.