Com um primeiro tempo avassalador, o Everton derrotou o West Ham no estádio Olímpico de Londres e subiu para a nona colocação. Bernard, autor do segundo gol, e Richarlison foram alguns dos destaques dos Toffees.

Sem conseguir jogar na primeira etapa, o West Ham escapou de tomar uma goleada graças ao goleiro polonês Lukas Fabianski. O ataque do Everton envolveu com facilidade a defesa dos Hammers e criou diversas oportunidades, especialmente pelo lado direito do ataque, com o atacante Richarlison e o lateral Coleman. O Everton abriu o placar precocemente, com apenas 5 minutos. Em escanteio cobrado por Sigurdsson, Zouma subiu com força e cabeceou para as redes.

Depois de algumas chances frustradas por Fabianski, o West Ham chegou a equilibrar o jogo, mas justamente quando o Everton já não exercia tanta pressão, o segundo gol aconteceu. Em uma jogada coletiva espetacular pelo lado direito, Coleman chegou à linha de fundo e centrou a bola para Bernard, que só teve o trabalho de completar para marcar seu primeiro gol na Premier League. Embora o lado direito tenha sido o ponto forte do Everton na partida, o ponteiro esquerdo também foi um dos principais articuladores das jogadas ofensivas.

No intervalo, Pellegrini promoveu a entrada de Chicharito e Michail Antonio, mas nada se alterou. O Everton seguiu melhor, totalizando ao final do encontro nove finalizações certas contra apenas uma do West Ham, que perdeu a chance de assumir a sétima posição e agora é apenas o décimo primeiro.