Com 85 mil vozes a favor, Egito derruba Gana na briga para voltar à Copa do Mundo

Vitória sobre Gana, principal concorrente, coloca o Egito em boa posição na disputa por vaga na Copa 2018

O Egito é uma das principais seleções da África, mas ir à Copa do Mundo é algo que não acontece desde 1990. A seleção africana sempre bate na trave. Desta vez, o começo de campanha nas Eliminatórias é bastante animador. E neste domingo, o time deu uma demonstração de força: venceu a forte seleção de Gana por 2 a 0, em casa, e é líder do seu grupo.

LEIA TAMBÉM: Curiosidade: Brasil tem 2º melhor índice de pontos por jogo desde a Copa, atrás apenas do… Irã

O jogo deste domingo foi em Alexandria e contou com um estádio Borg El-Arab lotado: 85 mil pessoas assistiram à partida. Um jogo difícil e de fundamental importância para os egípcios, já que apenas uma seleção de cada grupo se classifica ao mata-mata para ficar com uma vaga na Copa. Um dos dois ficará fora. Vencer em casa, portanto era crucial.

A vitória começou com um gol de Mohamed Salah, que faz ótima temporada na Roma. Ele cobrou pênalti aos 43 minutos do primeiro tempo para abrir o placar. o segundo gol só saiu no fim do jogo, aos 41, quando Abdalla El Said marcou 2 a 0 e definiu o placar.

A vitória foi significativa também porque nos playoffs das Eliminatórias da Copa de 2014, Gana venceu o jogo de ida por 6 a 1 e dizimou as chances egípcias de virem ao Brasil. Agora, Egito tem seis pontos no Grupo E, com dois jogos disputados. Uganda vem em segundo com quatro, Gana tem um ponto e o Congo Brazzaville não pontuou ainda. A seleção é comandada pelo argentino Hector Cúper, com passagens importantes por Valencia e Internazionale.

Os últimos quatro jogos desta fase de Eliminatórias serão no segundo semestre de 2017 e prometem ser duríssimos. No dia 27 de agosto, o Egito vai até a Uganda enfrentar a seleção local enquanto Gana recebe o Congo. No dia 1º de setembro, o Egito recebe Uganda e o Congo recebe Gana.