O vírus Fifa causou danos nos últimos jogos de seleção. Entre os mais notórios, estão De Rossi, Adam Lallana e Marko Pjaca. Entre os menos notórios, está o goleiro de Luxemburgo, Anthony Moris, que defende o Mechelen, sétimo colocado da temporada regular do Campeonato Belga. O jogador de 26 anos teve que sair da derrota por 3 a 1 para a França aos 21 minutos por causa de uma séria lesão nos ligamentos do joelho e ficará até oito meses fora de ação. Segundo problema parecido que Moris teve em dois anos.

LEIA MAIS: Wenger: “França tem jogadores de alto nível como Brasil tinha há 20 anos”. Será mesmo?

Um baque para Moris, certamente. Em solidariedade ao colega de profissão, o goleiro francês naquela partida, Hugo Lloris, enviou ao luxemburguês uma camisa da seleção assinada, junto com uma mensagem de melhoras. Um ato de classe, como o próprio Moris descreveu.