Chegou a hora da verdade: Os quatro duelos que definirão o acesso na Série D 2016

CBF definiu as datas e os horários dos confrontos, após a definição das oitavas de final na última semana

Restam apenas duas rodadas para que o maior campeonato nacional defina os seus quatro campeões. Sim, quatro. Por mais que a Série D entregue uma taça, os times que conquistam o acesso à Terceirona já se dão por satisfeitos. E, neste final de semana, o torneio apontou os seus últimos oito sobreviventes. A partir do próximo final de semana, serão quatro duelos em ida e volta, para saber quem é que sobe à Série C. Confrontos que, na maioria, curiosamente colocam frente a frente Sudeste e Nordeste.

VEJA TAMBÉM: A Copa do Brasil feminina começa na quarta-feira. E ninguém irá transmitir

A exceção se faz justamente com o melhor time da Série D até o momento. O Atlético Acreano encerrou o jejum de 25 anos no estadual deste ano e vem voando no torneio nacional, dono do melhor ataque, com 32 gols em 10 partidas. A equipe terminou a fase de grupos invicta, antes de demolir o Náutico de Roraima (com direito a goleadas por 5×1 e 8×0) e superar o Princesa do Solimões nos mata-matas. Pegará o Moto Club, que não impressiona tanto assim, mas vem de bons resultados contra Águia de Marabá e Juazeirense, além de atrair bons públicos para a quarta divisão.

Já nos duelos Nordeste x Sudeste, destaque para o equilíbrio que se promete entre Ituano e CSA. Os alagoanos são os líderes de público da competição e, na etapa anterior, conquistaram um resultado enorme. O Azulão eliminou o Altos, clube em ascensão no Piauí, que investiu pesado para a Série D e vinha com um dos melhores desempenhos. O triunfo por 3 a 0 em Maceió pesou, apesar da derrota por 2 a 0 em Altos. Já o Ituano, primeiro colocado em uma chave difícil na primeira fase, vem de classificações sofridas contra Linense e Inter de Lages. Em Santa Catarina, os paulistas protagonizaram um dos jogos mais movimentados desta Série D, com vitória por 5 a 3, suficiente depois do tropeço por 1 a 0 em Itu.

Outro paulista se destacando, o São Bento superou Brusque e J Malucelli nas fases eliminatórios. O clube de Sorocaba possui a melhor defesa da Série D até o momento, com apenas dois gols sofridos. Vem para pegar a Itabaiana, se superando na competição. O clube sergipano passou em segundo na sua chave, atrás do Uniclinic, e eliminou justamente os cearenses nos 16-avos de final. Nas oitavas, o desafio era bem maior diante do Campinense. A classificação veio nos pênaltis, por 4 a 3, depois da vitória por 2 a 0 no Sergipe que reverteu o tropeço em Campina Grande.

Por fim, o Volta Redonda surge como virtual favorito contra o Fluminense de Feira. O Voltaço mantém a invencibilidade e só sofreu três gols nas dez partidas anteriores. Nos mata-matas, a equipe do Rio de Janeiro derrubou URT e Anápolis. O Flu de Feira, por sua vez, vem em ascensão no certame. Depois de passar em segundo na chave que também tinha o Campinense, goleou o Sete de Dourados nos 16-avos de final, antes do confronto agônico com o Ceilândia. A classificação veio somente nos pênaltis, por 4 a 3, depois da vitória dos baianos no Distrito Federal com um gol aos 47 do segundo tempo.

Nesta segunda, a CBF confirmou as datas das quartas de final da Série D. A transmissão é exclusiva dos canais Esporte Interativo:

Jogos de ida

27/08 – 16h – Moto Club x Atlético Acreano (Castelão)
27/08 – 16h – Ituano x CSA (Novelli Júnior)
27/08 – 18h30 – Fluminense de Feira x Volta Redonda (Joia da Princesa)
29/08 – 20h – Itabaiana x São Bento (Etelvino Mendonça)

Jogos de volta

03/09 – 18h – Volta Redonda x Fluminense de Feira (Raulino de Oliveira)
04/09 – 16h – CSA x Ituano (Rei Pelé)
04/09 – 18h30 – São Bento x Itabaiana (Walter Ribeiro)
04/09 – 19h – Atlético Acreano x Moto Club (Arena da Floresta)

Chamada Trivela FC 640X63