O Manchester City deu uma grande força a seu rival United neste sábado. Se a vantagem dos Red Devils já era de 12 pontos, ela pode ficar ainda maior depois que os Citizens jogaram mal e foram derrotados pelo Everton por 2 a 0, no Goodison Park.

O resultado manteve o City com 59 pontos, na vice-liderança da Premier League. O Manchester United, poré, ainda jogará na rodada, e recebe o lanterna Reading, podendo ampliar a vantagem para 15 pontos. Nunca uma equipe que liderava o Campeonato Inglês com 15 ou mais pontos de vantagem deixou de conquistar o título. Já o Everton segue brigando por uma vaga na Liga dos Campeões e chegou aos 48 pontos, na 5ª posição. O Arsenal, 4º colocado, tem a mesma quantidade de pontos.

Jogando em casa, os Toffees mandaram no jogo desde o início. Aos 12 minutos, a equipe poderia ter aberto o placar com Kévin Mirallas, que recebeu na área e soltou uma bomba. O gol, porém, foi mal anulado pela arbitragem, que marcou impedimento inexistente do atacante belga.

O primeiro gol, de fato, surgiu aos 31 minutos. Séamus Coleman pedalou para cima de Aleksandar Kolarov e ajeitou para Leon Osman, que estava livre na entrada da área. O meio-campista acertou um lindo chute, cheio de efeito, deixando o goleiro Joe Hart na saudade e abriu o placar.

A partida não era tão fluida e se desenrolava de forma mais física que o comum para os padrões ingleses. O Everton abusava das faltas duras e não foi à toa que o meia Steve Pienaar foi expulso, aos 15 minutos do segundo tempo, depois de aplicar uma solada em Javi García. Com um a menos, o Everton sofreu alguma pressão. A melhor chance do Manchester City aconteceu aos 21 minutos, quando o goleiro Jan Mucha, substituindo o lesionado Tim Howard, teve de fazer dupla defesa sobre Carlos Tévez e Edin Dzeko.

Aos 40 minutos, o City poderia ter empatado o jogo. Tévez chutou forte e a bola explodiu na mão de Marouane Fellaïni, que estava dentro da área. O árbitro, porém, marcou apenas falta na entrada da área e Kolarov bateu mal. Já nos acréscimos, Nikica Jelavic, que havia entrado poucos minutos antes, aproveitou um contra-ataque puxado por Fellaïni para definir a partida a favor dos Toffees.

Confira os jogos da 30ª rodada da Premier League:

Sábado, 16/mar
Everton 2×0 Manchester City
Aston Villa x Queens Park Rangers
Southampton x Liverpool
Stoke x West Bromwich
Swansea x Arsenal
Manchester United x Reading

Domingo, 17/mar
Sunderland x Norwich
Tottenham x Fulham
Chelsea x West Ham
Wigan x Newcastle