Preparando-se para a disputa da Supercopa da Europa, Petr Cech comentou as qualidades do Atlético de Madrid, adversário do Chelsea na decisão. As duas equipes se enfrentam na próxima sexta-feira, em partida que acontece no Stade Louis II, em Monaco.

“O estilo de jogo do Atlético mudou desde que Diego Simeone foi contratado. Eles são muito disciplinados, especialmente sólidos na defesa, e é difícil parar seus contra-ataques. Como um time espanhol, eles querem a posse de bola e se sentem confortáveis com ela” , disse, em entrevista ao site oficial da Uefa.

Cech também falou sobre a evolução dos colchoneros desde os últimos encontros com os Blues: “O Atlético é bem mais perigoso hoje do que quando os enfrentei, na Liga dos Campeões 2009/10. O sucesso os ajudou. Eles têm um time bem encaixado e não será fácil derrotá-los”.

Em jogos válidos pela fase de grupos da LC 2009/10, o Chelsea goleou o Atleti por 4 a 0 em Stamford Bridge, enquanto empatou por 2 a 2 em Madri. Ao lado de Cech, outros seis jogadores seguem nos Blues, enquanto Raúl García é o único remanescente entre os rojiblancos. Naquela temporada, os ingleses foram até as semifinais da Champions, enquanto os espanhóis, eliminados na primeira fase da competição, faturaram a Liga Europa.