Na última semana, a CBF anunciou o início do Campeonato Brasileiro em agosto, com calendário estendido até fevereiro de 2021. Já nesta terça-feira, a entidade divulgou a nova tabela da Série A. A sequência de jogos permanece igual ao que já estava previsto no início do ano. O que muda é a nova maratona de partidas a ser realizada nos meses finais de 2020. Além disso, a entidade também apresentou as novas tabelas das Séries B, C e D.

VEJA TAMBÉM: Calendário 2020 da CBF (que vai até 2021) ameaça ainda mais a existência dos estaduais

De 8 de agosto a 13 de setembro, a CBF prevê apenas um meio de semana livre aos clubes da Série A – quando acontecerá a Copa do Brasil. Serão dez rodadas consecutivas neste período de retomada da competição. A pausa a partir de 15 de setembro acontece por causa da volta da Libertadores, com o meio da semana reservado à competição continental. A partir de então, o calendário do Brasileirão se intercalará com o da Conmebol. Vale lembrar que a Copa do Brasil ainda terá 11 datas até 10 de fevereiro.

Em compensação, a Data Fifa seguirá sem ser respeitada pela CBF, mesmo com partidas pelas Eliminatórias a caminho. A primeira data acontece de 31 de agosto a 8 de setembro, pegando duas rodadas completas do Brasileiro. Já o período dedicado às seleções em outubro, de 5 a 13 daquele mês, coincidirá com clássicos: Corinthians x Santos, Palmeiras x São Paulo e Vasco x Flamengo estão dentro do intervalo, enquanto Grêmio x Internacional e Botafogo x Fluminense acontecem às portas da Data Fifa. Por fim, a Data Fifa de novembro também afeta completamente duas rodadas, mas sem novos clássicos.

O Brasileirão terá um respiro maior no meio de semana a partir da segunda quinzena de novembro, quando começarão os mata-matas da Libertadores. Mas a competição nacional não vai parar às festas de fim de ano, sempre com compromissos aos finais de semana. Há uma rodada em 19-20 de dezembro (com Fortaleza x Ceará como destaque), um Boxing Day tupiniquim em 26-27 de dezembro e uma rodada de Ano Novo em 2-3 de janeiro (com direito a Fla x Flu e Palmeiras x Corinthians). O meio de semana em 23 e 30 de dezembro será voltado às semifinais da Copa do Brasil.

De dezembro a janeiro, só um meio de semana será preenchido com partidas no Brasileirão. Em contrapartida, a CBF utilizará os sábados no final de janeiro escolhidos pela Conmebol às finais continentais. Fevereiro guardará as últimas cinco rodadas da Série A, bem como a decisão da Copa do Brasil no início do mês. Vale lembrar que há um Carnaval no meio disso, no final de semana de 13 de fevereiro. A tabela respeitará apenas o domingo de carnaval, com jogos de quinta a sábado. Já a antepenúltima rodada começa na quarta-feira de cinzas. E a curiosidade é que a última rodada acontecerá inteira numa quarta-feira, 24 de fevereiro.

Para ver a tabela completa da Série A, clique aqui

A Série B poderá terminar um mês antes, sem precisar respeitar as datas à Libertadores e Sul-Americana. O torneio vai de 7 de agosto a 31 de janeiro. A segundona também incluirá partidas no período de festas, inclusive em 29 de dezembro. O primeiro turno se encerra exatamente no final de outubro, reservando três meses para as 19 rodadas. Com jogos mais espaçados na virada do ano, o returno terá uma maratona um pouco menos apertada.

Para ver a tabela completa da Série B, clique aqui

A Série C terá sua fase de classificação de 8 de agosto a 6 de dezembro. A fase decisiva, agora organizada em dois quadrangulares, fica para dezembro e janeiro. A decisão do título ocorrerá entre 24 e 31 de janeiro. Por fim, a Série D é a única que se inicia em 5 de setembro, com as preliminares. A fase de grupos terá seu pontapé inicial em 19 do mesmo mês, também reformulada com oito grupos de oito equipes. Os mata-matas começam em dezembro, com a definição do acesso no início de janeiro. O campeão será conhecido em 7 de fevereiro.

Para ver a tabela completa da Série C, clique aqui, e para a Série D, clique aqui