O Levante teve uma série de oportunidades para marcar no Real Madrid. Aproveitou apenas uma e, com dois pênaltis, os merengues conseguiram vencer a partida deste domingo, fora de casa, por 2 a 1. O primeiro foi justo. O segundo, nem tanto, com no mínimo uma reação exagerada de Casemiro no lance. 

LEIA MAIS: Morata abriu sua contagem pelo Atlético de Madrid, que venceu o Villarreal

Logo no começo, de dentro da pequena área, Roger Martí aproveitou a pressão do Levante e completou um desvio de cabeça direto na trave. No outro lado, Vinícius Júnior exigiu defesa de Aitor Fernández. Com a ajuda do árbitro de vídeo, foi marcado um pênalti claro para o Real Madrid, por toque de mão de Enis Bardhi. Benzema converteu e marcou seu quinto gol nas últimas seis rodadas de La Liga. 

Antes do intervalo, Martí teve outra grande chance de marcar. Foi lançado pelo meio e ficou cara a cara com Courtois. Fez quase tudo certo, ao buscar o canto do goleiro, mas acertou a trave novamente. No começo do segundo tempo, parou em defesa do belga. Finalmente, aos 15 minutos, Martí conseguiu deixar seu nome no placar. José Luis Morales cruzou da esquerda e ele desviou no canto: 1 a 1. 

Mas, aos 33 minutos, o Real Madrid voltou a ficar a frente, graças ao lance mais controverso do jogo. Depois de uma jogada de escanteio, Casemiro e Check Doukouré disputaram a mesma bola. Doukouré pareceu ter dado uma bica no volante brasileiro, que caiu rolando no chão como se se tivesse levado um tiro. No replay, porém, fica claro que mal houve contato entre os dois.

Mesmo com o assistente de vídeo disponível, o árbitro Ignacio Iglesias confirmou a penalidade. Bale cobrou e deu os três pontos para o Real Madrid, que está em terceiro lugar a nove pontos do líder Barcelona.