O St. Pauli é conhecido por ser um clube com causa. Luta contra homofobia, racismo e tem um histórico de inclusão grande que já falamos algumas vezes por aqui. O uniforme da temporada 2015/16 do clube, que está na segunda divisão da Alemanha, trará faixas na manga em apoio ao combate à homofobia. O fabricante é a Hummel, que, segundo se especula, deixará o clube na próxima temporada, quando a Under Armour deve assumir como fornecedora.

CONTRA HOMOFOBIA:
– Rayo Vallecano terá a luta contra a homofobia e outras sete causas na sua segunda camisa
– O Guadalajara também lançou uma camisa para apoiar a luta contra a homofobia

O uniforme traz as duas cores do clube, branco e marrom, indo de uma cor à outra de um lado a outro do uniforme. A manga direita é branca e a camisa vai sendo preenchida com riscos em marrom até ser totalmente marrom na manga esquerda. É uma referência à discussão sobre haver apenas dois gêneros, ou se é um, ou outro. A camisa mostra que há muita coisa no meio – ou seja, achar que só existem cores cheias como nas mangas seria ignorar muito do que está no meio. Falando assim, ficou bem pensado, não?

St-Pauli-15-16-Kit (3)

Além dos arco-íris nas mangas, um reconhecido símbolo do movimento LGBT e que tem sido usado em combate à homofobia, a camisa tem ainda outro detalhe. Dentro do uniforme, um dos símbolos do clube, a caveira, é pintada com o arco-íris, pelos mesmos motivos. Vale lembrar que o Rayo Vallecano também lançou uma camisa com arco-íris de combate à homofobia, assim como o Guadalajara, também da Espanha.

Com tantos detalhes interessantes, a camisa do St. Pauli, que já virou um artigo cult por aqui para quem gosta de futebol, fica ainda melhor. Difícil não simpatizar com um time desse.

st-pauli-15-16-kit-2 st-pauli-15-16-kit-1

Via Footy Headlines