Foi uma semana tumultuada fora dos gramados das competições da Uefa. Houve conflitos entre torcedores do Leicester e a polícia, em Madri, uma bomba que explodiu próxima ao ônibus do Borussia Dortmund, na Alemanha, e uma confusão entre as torcidas de Lyon e Besiktas, nesta quinta-feira, pela Liga Europa. A partida precisou ser adiada em 45 minutos e terminou com uma dramática vitória francesa por 2 a 1, de virada, com gols marcados no fim e um erro bizarro do goleiro do time turco.

LEIA MAIS: Por este vídeo, dá para perceber como Mbappé tem um talento estrondoso desde pequeno

As confusões começaram fora do estádio e se estenderam para as arquibancadas. Houve brigas entre turcos e franceses, enquanto os jogadores faziam o aquecimento no gramado. Em certo momento, torcedores que estavam nas cadeiras inferiores do Parc Olympique Lyonnais invadiram o campo, segundo o Lyon, para “fugir de projéteis e fogos de artifício”. O presidente do clube francês, Jean Michel Aulas, entrou na multidão para conversar com os briguentos e tentar acalmá-los.

 

Quando a partida finalmente começou, os times abandonaram o protocolo da Uefa e reuniram-se no círculo central, em uma bela demonstração de união. Aplaudiram os torcedores, cumprimentaram-se e deram início à peleja.

 

Com a bola rolando, o Besiktas abriu o placar com uma cobrança de falta esperta de Talisca para Babel, que girou o corpo e bateu cruzado.

 

A partida seguiu no 1 a 0 para os turcos até os 38 minutos do segundo tempo, quando Tolisso empatou, em cobrança de falta. Dois minutos depois, saiu a virada do Lyon, graças ao goleiro do Besiktas, Fabri, que fez isso aqui: