Brasil

Pela primeira vez em 89 anos, nenhum dos quatro grandes de São Paulo será campeão

Quando Ruiz converteu sua cobrança, a quarta do Atlético Nacional na disputa de pênaltis no Morumbi, ele estava pondo fim a um tabu que durava desde 1925. O atacante fez o 4 a 1 definitivo para o time colombiano em cima do São Paulo nas semifinais da Copa Sul-Americana, acabando com a última possibilidade de um dos quatro grandes clubes paulistas conquistar um título em 2014. Algo que não ocorria há 89 anos.

LEIA TAMBÉM: Como o profissionalismo ajudou a tornar o Fla-Flu tão grandioso

Em 2014, o Paulistão ficou com o Ituano, o Cruzeiro levou o Brasileirão, o Atlético Mineiro levou a Copa do Brasil e nenhum paulista havia disputado a Libertadores. Nem a Portuguesa, tida como uma quinta grande, teve um ano bom. Foi rebaixada de forma contundente para a Série C nacional.

É preciso voltar a 1925 para ver algo semelhante. Naquele ano, o São Bento (da capital, já extinto, não confundir com o de Sorocaba) foi campeão paulista ao bater o Paulistano por 1 a 0 na última rodada. Com esse resultado, foi a 16 pontos, ficando um a frente do próprio Paulistano e do Corinthians.

São Bento campeão paulsita de 1925 (Biblioteca do Mosteiro)
São Bento campeão paulsita de 1925 (Biblioteca do Mosteiro)

Na época, o Santos nem estava consolidado como um dos grandes, o São Paulo nem existia e o Palmeiras se chamava Palestra Itália. A partir do ano seguinte, Corinthians e Palestra começaram a se revezar. O São Paulo da Floresta (atualmente aceito pela federação paulista como o São Paulo atual) levou o primeiro título tricolor em 1931. O Santos virou protagonista em 1935.

Formou-se o Trio-de-Ferro na década de 1940, que se transformou em quatro grandes quando Pelé colocou o Peixe definitivamente no grupo de elite. O Paulistão só escapou do quarteto em 1986 (Internacional de Limeira), 1990 (Bragantino), 2002 (Ituano), 2004 (São Caetano) e 2014 (novamente Ituano). Mas, até a atual temporada, um grande paulista sempre conseguiu levantar um outro troféu. O São Paulo foi campeão brasileiro em 1986. O Corinthians levou o Brasileirão em 1990, e o Rio-São Paulo e a Copa do Brasil em 2002. e o Santos levou o Brasileirão em 2002 e 2004.

Em 2014, não deu para nenhum deles. E, pela primeira vez em 89 anos, nenhuma das quatro grandes torcidas paulistas terminaram o ano comemorando uma taça.

Mostrar mais

Ubiratan Leal

Ubiratan Leal formou-se em jornalismo na PUC-SP. Está na Trivela desde 2005, passando por reportagem e edição em site e revista, pelas colunas de América Latina, Espanha, Brasil e Inglaterra. Atualmente, comenta futebol e beisebol na ESPN e é comandante-em-chefe do site Balipodo.com.br. Cria teorias complexas para tudo (até como ajeitar a feijoada no prato) é mais que lazer, é quase obsessão. Azar dos outros, que precisam aguentar e, agora, dos leitores da Trivela, que terão de lê-las.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo