Durante um treino com a seleção dinamarquesa para enfrentar a Itália, na próxima sexta-feira, o zagueiro Daniel Agger chutou uma bola na direção da plateia e acertou em cheio um garoto que assistia à movimentação.

Enquanto as outras crianças presentes, cruéis como apenas elas conseguem ser, davam risada da cena, o menino, vestindo uma camisa do Milan, começou a chorar de dor. Comovido, o jogador do Liverpool abandonou o treinamento e foi checar se estava tudo bem. Para se redimir, deu o seu uniforme de treino de presente para o jovem e transformou as lágrimas em um belo sorriso.