O técnico Marcelo Bielsa, do Leeds, mandou o seu time permitir um gol depois de marcar um em um lance de Fair Play. O placar do jogo acabou em 1 a 1, com os dois gols da partida sendo marcados de forma estranha. Uma controvérsia que rendeu muita discussão em campo, entre os dois times, e que foi resolvida pela ordem do técnico argentino. O resultado efetivamente acabou com as chances do Leeds de ficar com uma das duas primeiras posições na tabela da Championship, a segunda divisão, o que já era praticamente impossível.

O lance controverso aconteceu aos 28 minutos do segundo tempo. Jonathan Kodjia, do Aston Villa, caiu após uma dividida com Liam Cooper e seus companheiros pediram para os jogadores do Leeds jogar a bola para fora. Tyler Roberts diminuiu o ritmo e chutou para frente. Mateusz Klich pegou a bola na ponta esquerda e não quis nem saber, partiu para cima marcou o gol.

Klich sequer comemorou. Os jogadores do Aston Villa já o agarraram para tirar satisfações logo que ele chutou. Conor Hourihane foi o primeiro, agarrou o jogador e o cobrou. Se formou um bolo de jogadores. Na confusão, Anwar Ghazi acabou expulso por supostamente agredir Patrick Bamford, ainda que no replay não parece haver sequer um toque.

A confusão fora de campo também foi grande. John Terry, que faz parte da comissão técnica do Aston Villa, discutiu ferrenhamente com Marcelo Bielsa, que já tinha sido cobrado pelo técnico do adversário, Dean Smith.

Confusão entre jogadores do Leeds e do Aston Villa após gol de Klich (Foto: Getty Images)

O treinador argentino instruiu seus jogadores a deixarem o adversário marcar um gol, aparentemente contra a vontade dos próprios jogadores do Leeds. Tanto que Pontus Jansson, capitão do time, tentou impedir o gol, que acabou acontecendo mesmo assim, já que os demais jogadores do Leeds seguiram a ordem do técnico. Albert Adoma marcou o gol de empate.

Depois da confusão, o Leeds ainda tentou o gol da vitória no Elland Road, sem sucesso. A vitória manteria uma pequena chance do time chegar à promoção de forma direta, caso o Sheffield United perdesse seu jogo e eles ainda tirassem um saldo de 13 gols. Na prática, seria quase impossível, de qualquer forma, mesmo com a vitória.

O Leeds está garantido no playoff da Championship como terceiro colocado. Os confrontos são 3º x 6º; 4º x 5º. Curiosamente, pode ter o próprio Aston Villa como adversário na final – no momento, o Villa é o quinto colocado no momento e enfrentará o West Bromwich na semifinal. O Leeds enfrentará ou Derby ou Middlesbrough. Os dois times estão com 70 pontos se a definição de quem vai aos playoffs fica para a última rodada.

Um caso como esse só ressalta que é preciso criar um protocolo mais claro de Fair Play. Mais do que isso, é preciso instruir melhor os árbitros a eles mesmos pararem o jogo quando houver um caso de lesão. O problema é lidar com as simulações e isso é um problema difícil de resolver. Ainda veremos mais confusões envolvendo Fair Play por isso.