Bielsa ameaça deixar o cargo de técnico do Chile

O argentino Marcelo Bielsa ameaçou deixar o cargo de técnico do Chile, caso o atual presidente da federação chilena de futebol não consiga se reeleger.

Harold Mayne-Nicholls, atualmente no cargo, concorre com Jorge Segovia pelo cargo. A votação será realizada na quinta-feira, mas o argentino já manifestou sua insatisfação em continuar, caso Segovia vença.

“Eu não posso trabalhar com o senhor Segovia”, afirmou o treinador. O técnico ganhou muito prestígio com os chilenos, depois de conduzir a seleção à Copa do Mundo de 2010, a primeira participação chilena desde 1998. O Chile chegou às oitavas de final, mas foi eliminado pelo Brasil.

Nos últimos dias o nome de Bielsa tem sido especulado pela imprensa argentina como um provável candidato a técnico do Boca Juniors.