Encontrar golaços está cada vez mais fácil e frequente com o acesso que temos a vídeos de todos os cantos do planeta, mas gols que se destacam em meio a tantas pinturas, daqueles para entrar em compilações de tentos mais bonitos feitos na década, ainda são relativamente difíceis de se encontrar. E é por isso que quando um jogador faz tudo certo e acaba perdendo o gol por um detalhe, o futebol parece tão injusto. A sensação não poderia ser outra após esta jogada espetacular de Hatem Ben Arfa durante a classificação do Nice na Copa da França contra o Rennes, garantida apenas nos pênaltis após empate em 1 a 1, nesta segunda-feira.

VEJA TAMBÉM: De Simeone a Simeone, Kranevitter coroa evolução com chegada ao Atlético de Madrid

Hatem Ben Arfa é a prova viva de que uma mudança de ares no mundo do futebol pode representar também uma mudança completa no nível apresentado por um jogador. Com um histórico de problemas disciplinares no Newcastle, o francês estava encostado na Inglaterra, tendo feito apenas oito partidas na Premier League em sua última temporada (só três delas como titular).

Retornou à França no início da atual campanha e, no Nice, se tornou um dos melhores jogadores da Ligue 1. O quase golaço que o habilidoso francês ia marcando nesta segunda-feira é apenas uma amostra do que ele é capaz de fazer quando está bem. Por tudo o que tem feito nos últimos seis meses, podemos esperar muito mais lances semelhantes a esse em breve.