O Reino Unido sofreu até mais do que o esperado, mas venceu os Emirados Árabes Unidos por 3 a 1 neste domingo em Wembley e lidera o Grupo A da Olimpíada ao lado de Senegal. O time contou com os gols de dois jogadores que começaram o jogo no banco, Sturridge e Sinclair.

O primeiro tempo teve o time da casa jogando melhor em Wembley e o veterano Ryan Giggs comandando as ações ofensivas. O principal nome do time, porém, era Craig Bellamy, galês que ia buscar jogo no meio-campo e era o mais perigoso quando carregava a bola.

Depois de sair vencendo o primeiro tempo, o time voltou desatento para a segunda etapa e sofreu o gol de empate. Foi só com a entrada de dois jogadores do banco que o time virou, novamente com Bellamy em destaque, comandando o time. Agora, o Reino Unido enfrenta o Uruguai e tem a chance de eliminar os sul-americanos, que precisam vencer. Já Emirados Árabes está eliminado.

Destaque do jogo

Craig Bellamy é um dos jogadores acima da idade que foram convocados por Stuar Pearce e já mostrou que foi uma boa escolha. Além de ter marcado o gol no primeiro jogo, participou de dois gols do time na partida contra os Emirados Árabes e ajudou o Reino Unido a vencer.

Momento chave

As entradas de Sinclair e Sturridge acabaram decidindo um jogo que começava a ficar complicado. O primeiro marcou o gol que voltou a colocar os britânicos em vantagem e o segundo esteve no lance do segundo gol e marcou o terceiro, um golaço.

Os gols

16’/1T: Bellamy cruzou para Ryan Giggs, na segunda trave, marcar de cabeça para o Reino Unido.

15’/2T: Rashed Eisha recebeu pelo meio e tirou da marcação na velocidade para invadir a área e tocar por baixo, marcando o gol de empate.

28’/2T: Bellamy desceu pela direita e cruzou, o goleiro Ali Khaseif falhou em dividida com Sturridge e Sinclair, que tinha acabado de entrar, completou para o gol.

Ficha técnica

Reino Unido 3×1 Emirados Árabes Unidos

Local: estádio de Wembley, em Londres (ING)
Data: 29/jul, domingo
Árbitro: Roberto Garcia (MEX)
Gols: Ryan Giggs aos 16’/1T, Sinclair aos 27’/2T, Sturridge aos 31’/2T (Reino Unido), Rashed Eisha aos 15’/2T (Emirados Árabes)
Cartões Amarelos: Khamis Esmaeel, Omar Abdulrahman (Emirados Árabes)

Reino Unido
Jack Butland; Micah Richards, Steven Caulker, Neil Taylor e James Tomkins; Joe Allen, Aaron Ramsey, Tom Cleverley e Ryan Giggs (Scott Sinclair aos 27’/2T); Craig Bellamy (Jack Cork aos 38’/2T) e Marvin Sordell (Daniel Sturridge no intervalo). Técnico: Stuart Pearce

Emirados Árabes
Ali Khaseif; Abdulaziz Hussain (Saad Surour aos 6’/2T), Mohamed Ahmad, Abdelaziz Sanqour, Hamdan Al-Kamali, Ahmed Khalil; Amer Abdulrahman, Khamis Esmaeel (Habib Fardan aos 34’/2T), Omar Abdulrahman, Rashed Eisha; Ismaeil Mattar (Ahmed Ali aos 27’/2T). Técnico: Mahdi Redha