Em um domingo de fechamento da rodada na Serie A, dois jogos tiveram destaque: o Milan suou para empatar com o Cagliari e a Roma foi até Gênova para apanhar da Sampdoria.

Jogando melhor no início do confronto, o Cagliari fez pressão na primeira etapa e se aproveitou de muitos contragolpes para conseguir abrir vantagem no marcador. Frágil, a defesa milanista concedeu espaço demais no meio campo e sofreu com as corridas do ataque rival, composto por Sau e Ibarbo. Pois foi Ibarbo que colocou os Isolani na frente do placar: de costas em cruzamento de Conti, o colombiano tocou com a cabeça na bola para fazer 1 a o.

O sufoco na cozinha do Milan persistiu até os 15 da segunda etapa, quando a ofensiva dos donos da casa cansou. Balotelli e Niang deram trabalho a Astori, principal beque rossoblu. A sobrecarga deve ter deixado o zagueiro desesperado, até que ele agarrou Balotelli dentro da área. Pênalti claro e indiscutível, que o polêmico camisa 45 converteu sem sustos. Motivada, a equipe de Massimiliano Allegri ganhou ofensividade e por pouco não obteve a vitória.

O Milan então teve dois lances capitais nos acréscimos para tentar a virada. No primeiro, Robinho saiu com a bola pela linha de fundo e cruzou. Balotelli virou um voleio e marcou, mas o gol foi corretamente anulado. Aos 48, Bojan arriscou, a zaga deu rebote e o mesmo Balotelli tentou de cabeça, para uma defesa incrível de Agazzi, salvando os mandantes. O resultado deixa o Milan na quarta colocação, com  41 pontos, três atrás da Lazio. Lá embaixo, o Cagliari estaciona na 16ª colocação, com 25.

Veja o gol de voleio de Balotelli que foi anulado:

Sampdoria explora erros da Roma e vence jogo maluco por 3×1

Em Gênova, a Sampdoria não encontrou problemas em vencer a Roma, de treinador interino no banco. Na estreia de Aurelio Andreazzoli, um placar de 3 a 1 para os donos da casa não pareceu nem um pouco injusto. Eficiente em seus domínios, a Samp saiu na frente com gol de Estigarribia, que bateu cruzado para vencer Stekelenburg, aos 10 minutos do segundo tempo.

A Roma continuou com o mesmo estilo que era aplicado por Zdenek Zeman, sacado na última rodada.  Aos 20, Gastaldello derrubou Osvaldo na área e cometeu pênalti. O argentino naturalizado italiano bateu muito mal e praticamente recuou para Romero. Eis que Burdisso derruba Gastaldello no ataque seguinte e faz falta na faixa de 20 metros. Sansone achou o ângulo esquerdo da meta e encobriu Stekelenburg para aumentar. Desesperados, os visitantes foram pra cima para diminuir a tragédia.

Lamela marcou dois minutos depois e deu esperanças aos torcedores. Icardi fez questão de acabar com o sonho dos visitantes e deu números finais ao confronto. Tudo isso dos 20 aos 27 minutos da etapa complementar, uma coisa de louco. De Rossi ainda foi expulso nos acréscimos para piorar a vida romanista no Marassi.

Na classificação, a Sampdoria permanece na 11ª posição, com 28 pontos, enquanto a Roma cai para nono, com 34.

Resultados da 24ª rodada da Serie A:

Sábado, 09/fev
Juventus 2×0 Fiorentina
Lazio 1×1 Napoli

Domingo, 10/fev
Cagliari 1 x1  Milan
Sampdoria 3×1 Roma
Atalanta 0x0 Catania
Bologna 1×1 Siena
Palermo 1×1 Pescara
Udinese 1×0 Torino
Internazionale x Chievo