O Atlético de Madrid passou como um trator pela Udinese nesta quinta-feira por 4 a 0 nesta quinta-feira, pela Liga Europa. Os colchoneros, jogando em Madri, contaram com dois gols de Adrián, além de um de Diego e outro de Radamel Falcao, para construir um placar amplo.

Aos sete minutos, Arda Turan fez a jogada e passou para Adrián recebeu lançamento na esquerda, puxou para o meio e bateu para marcar 1 a 0, sem chances para o goleiro Samir Handanovic.

Pouco depois, aos 12 minutos, Radamel Falcao conseguiu um passe acrobático para Antonio López, que fez o cruzamento da esquerda e encontrou a cabeça de Adrián. Atlético 2 a 1.

Aos 21 minutos, Fabbrini teve a melhor chance da Udinese. O atacante recebeu, fintou o zagueiro e chutou, mas mandou muito fraco, no meio do gol, para defesa fácil do goleiro Thiba Courtois.

No final do primeiro tempo, o Atlético voltou a marcar. Em uma linha de passe que começou com o meia Diego, que encontrou Falcao dentro da área, o colombiano tocou de calcanhar para Adrián, fintou o zagueiro e só rolou para Diego marcar, livre no meio da área, aos 37 minutos.

O jogo era fácil para o Atlético, que conseguiu ainda marcar o quarto. Aos 22 minutos, Falcao recebeu na entrada da área pelo lado esquerdo, conduziu a bola em diagonal e bateu cruzado de pé direito para marcar 4 a 0 e fechar a conta no estádio Vicente Calderón.

O Atlético assume a liderança do Grupo I, com um empate em pontos com a Udinese e vantagem no confronto direto.

Celtic vence Rennes na Escócia e segue na disputa

O Celtic conseguiu vencer o Rennes por 3 a 1 no Celtic Park, em Glasgow, mantendo suas chances de classificação no Grupo I. só que o Rennes saiu na frente. Kader Mangane, logo a dois minutos, fez 1 a 0.

Aos 30, Anthony Stokes empatou o jogo para o Celtic. Aos 43, o próprio Stokes marcou o segundo e virou o jogo. No segundo tempo, aos 37 minutos, Gary Hooper fechou o placar em 3 a 1.

O Celtic chegou a cinco pontos, atrás da Udinese e do Atlético, que tem sete pontos. O Rennes é lanterna, com dois pontos.