Depois da ótima estreia contra o Fulham, com vitória por 3 a 0 no Craven Cottage, o Arsenal teve um chamado à realidade neste sábado (19), no Emirates Stadium. Enfrentando o West Ham, os Gunners se depararam com um adversário surpreendentemente difícil, que poderia perfeitamente ter saído de campo com a vitória. No fim, um gol de Eddie Nketiah acabou por ser a diferença entre as duas equipes, com o time de Mikel Arteta garantindo a vitória por 2 a 1 e mantendo o 100% após duas rodadas.

Na defesa, um desfalque de última hora forçou o técnico basco a mudar sua escalação. No aquecimento, Kieran Tierney se contundiu, dando lugar a Sead Kolasinac no trio de defesa composto ainda por Gabriel Magalhães e Rob Holding.

Além da troca no último instante, o Arsenal foi para o jogo com o West Ham com duas mudanças em relação ao time que começou contra o Fulham: na ala esquerda, Maitland-Niles saiu para a entrada de Bukayo Saka. No meio, Elneny perdeu a vaga para Dani Ceballos. Os dois, por fim, participariam ativamente da vitória dos Gunners.

Mesmo com o West Ham levemente superior até então, foi o time da casa que abriu o placar. Aos 25 minutos, Saka passou em profundidade para Aubameyang, pela esquerda. O gabonês foi até a linha de fundo e cruzou para trás, encontrando Lacazette, que cabeceou forte para vencer o ex-Gunner Lukasz Fabianski.

Aos 33 minutos, o West Ham reclamou de um toque de mão de Gabriel Magalhães dentro da área. O lance foi revisado pelo VAR, e nada foi marcado. A busca pelo empate dos Hammers, no entanto, não levaria muito mais tempo.

Merecendo a igualdade, o time de Moyes a alcançou antes do intervalo. Aos 45 minutos da primeira etapa, Bowen subiu pela direita, tocou para a ultrapassagem de Fredericks, que cruzou para o meio da área. Michail Antonio, bem colocado, apareceu para completar para o gol e empatar.

As melhores oportunidades do segundo tempo foram dos visitantes. Aos oito minutos, Masuaku cruzou da esquerda, e Antonio, na pequena área, teve a chance de virar a partida, mas não pegou em cheio na bola, que desviou ainda em Gabriel Magalhães antes de parar nas mãos de Leno.

Willian, muito menos presente no jogo do que na estreia da semana passada, deixou o campo para a entrada de Nicolas Pépé, com Arteta buscando despertar sua equipe ofensivamente. Entretanto, foi mais uma vez o West Ham que chegou perto de marcar. Aos 22 minutos, ainda apostando nos cruzamentos, os visitantes acertaram o travessão em cabeçada de Michail Antonio.

Apesar de todos os esforços dos Hammers, o Arsenal chegou ao gol da vitória perto do fim do jogo. Aos 40 minutos, Saka achou um bom passe entre as linhas para Ceballos, dentro da área. Perto da meta, ainda que sem ângulo, o espanhol acabou por atrair a saída de Fabianski e então bastou um toque para o meio para tirar o goleiro da jogada e deixar Nketiah livre para marcar o 2 a 1.

Mesmo sem uma atuação de encher os olhos ou mesmo merecedora da vitória, os anfitriões comemoram bastante o triunfo. É importante a qualquer equipe pontuar o máximo possível no início de campeonatos de pontos corridos. A um time promissor e no estágio em que esse Arsenal de Arteta se encontra, de relativo princípio de trabalho, ainda mais. Com o triunfo, os Gunners chegam agora a seis pontos de seis disputados.

Classements proposés par SofaScore LiveScore