O Everton conseguiu uma vitória importante na Premier League contra o Arsenal, neste domingo. O placar de 1 a 0 foi magro, mas poderia ser melhor para o time de Marco Silva, de Richarlison e Bernard. O time de Londres foi superado e no jogo inteiro e o que se viu no Goodison Park foi o time da casa ser superior o jogo inteiro.

O técnico do Everton, Marco Silva, teve que mudar o seu time pouco antes do apito inicial. O zagueiro Michael Keane foi tirado do jogo por lesão e entrou o veterano Phil Jagielka no seu lugar. Unai Emery, por sua vez, tinha ainda o desfalque de Lucas Torreira, suspenso, e também não teve o zagueiro Laurent Koscielny e o volante Granit Xhaka, ambos machucados. Aaron Ramsey era dúvida e começou a partida no banco, já que não estava em plenas condições físicas.

O gol que decidiu o jogo saiu logo a 10 minutos, com o zagueiro Phil Jagielka, aproveitando uma bola que sobrou dentro da área, depois de lateral cobrado por Lucas Digne. Esse foi o único gol do jogo, mas o Everton poderia ter feito mais. O que os 39.400 presentes no estádio viram foi um time dominante, que criou chances e buscou muito o gol. Dois brasileiros se destacaram, cada um por uma ponta: Richarlison pela direita e Bernard pela esquerda. Os dois causaram problemas para o Arsenal ao longo do jogo, com correria e habilidade.

A vitória leva o Everton a 46 pontos, em nono lugar na tabela da Premier League. Os Toffees estão agora a um ponto de Leicester (7º, 47) e Wolverhampton (8º, 47). A briga é para ficar com uma vaga na Liga Europa na próxima temporada. Isso porque se o Manchester City conquistar o título da Copa da Inglaterra, a vaga do segundo torneio europeu vai para a Premier League, como já aconteceu com a vaga da Copa da Liga, que ficou com o próprio City.

O Arsenal, por sua vez, permanece em quarto lugar na tabela da Premier League, com 63 pontos, mesma pontuação do Chelsea, quinto colocado, com quatro gols a mais de saldo – este é o primeiro critério de desempate. O Manchester United, sexto colocado, tem 61 pontos. A briga é pesada por vaga na Champions League. O Tottenham, terceiro colocado no momento, tem 64 pontos, só um a mais que o Arsenal.

Na próxima rodada, no sábado (13), o Tottenham joga contra o Huddersfield no seu novo estádio, o Manchester United joga contra o West Ham em casa, o Chelsea visita o Liverpool em Anfield no domingo (14) e Arsenal pega o Watford na segunda (15).