O tradicional Boxing Day pode não ter jogos de Chelsea e Arsenal no próximo dia 26 de dezembro. Uma greve de metrô de Londres pode forçar o adiamento das partidas dos dois clubes, além de outros times de divisões inferiores da Inglaterra.

O Arsenal recebe o Wolverhampton no Emirates, enquanto o Chelsea joga contra os vizinhos do Fulham no Stamford Bridge, ambas partidas pela Premier League. Tradicionalmente os times se enfrentam no dia 26 de dezembro, priorizando duelos locais, para evitar que as torcidas tenham que viajar no dia seguinte ao Natal. É um dia considerado importante no futebol do país.

A greve do metrô poderia afetar ainda as divisões inferiores da Inglaterra.Na Championship (segunda divisão), os duelos entre Watford e Cardiff e Milwall e Portsmouth também estão ameaçados de não acontecerem.

Pela League One (terceira divisão), o Leyton Orient recebe o MK Dons e o Brentford joga com o Bournemouth. Na quarta divisão, Wimbledon e Oxford e Dagenham e Redbrige e Barnet também podem ser cancelados.

“Nós estamos monitorando a situação juntos com todas as agências relevantes, incluindo a polícia metropolitana, a secretaria de transportes, o London Udergroud (empresa do metrô ), a Premier League, o Wolverhampton e a prefeitura de Islington (região metropolitana de Londres)”, diz um comunicado do Arsenal.

“A principal preocupação que o Arsenal Football Club tem é o cuidado que temos com os nossos torcedores, os torcedores do Wolverhampton Wanderers, os funcionários que trabalham no dia do jogo e todo mundo que está planejando ir à partida”, continua o comunicado.

A greve é pelo pagamento dos trabalhadores no feriado bancário. Porém, as autoridades de transporte estão questionando a legalidade da greve e o caso será decidido no Suprema Corte de Londres nesta quarta-feira.