O Sevilla começou o Campeonato Espanhol entre os destaques da competição. Sob as ordens de Julen Lopetegui, os andaluzes chegaram a ocupar a liderança, com três vitórias nas primeiras quatro rodadas. Entretanto, depois do fim da invencibilidade contra o Real Madrid na rodada anterior, o time sofreu um vexame nesta quinta-feira. Os rojiblancos visitavam o Eibar e abriram dois gols de vantagem ainda no primeiro tempo. Tomaram três tentos em apenas 16 minutos na segunda etapa e cederam a inacreditável virada por 3 a 2 em Ipurua.

Lucas Ocampos era o grande nome no início arrasador do Sevilla. O ponta abriu o placar com uma grande arrancada aos 11 minutos e fez toda a jogada para Óliver Torres ampliar aos 33. O Eibar parecia fadado à derrota, até iniciar sua reação aos 21 do segundo tempo. O primeiro gol saiu num pênalti convertido por Fabián Orellana. Aos 32, Pedro León aproveitou uma trapalhada da zaga andaluz, numa cabeçada de Diego Carlos que encobriu o goleiro Tomás Vaclik. E a inesperada virada se consumou aos 37, com Cote cobrando falta.

Essa foi a primeira vitória do Eibar no campeonato e tirou os bascos da zona de rebaixamento. O clube soma cinco pontos, atualmente no 15° lugar. Já o Sevilla fica pelo caminho depois do bom início. É o sétimo colocado, com 10 pontos, a quatro da liderança. A defesa, que aparecia entre as melhores da liga com apenas dois gols sofridos, entregou um resultado que parecia nas mãos.