Depois de nove temporadas em Lisboa, Anderson Polga se despediu do Sporting nesta quinta-feira. O zagueiro formado pelo Grêmio não seguirá no José Alvalade na próxima temporada, embora não tenha definido qual será seu próximo clube – segundo o veterano, há propostas de times brasileiros.

“Tive mais alegrias do que tristezas, mas os momentos maus também fazem parte da carreira de um jogador. Saio de cabeça levantada. Sinto-me muito orgulhoso por ter feito parte deste clube centenário e daqui para frente serei certamente um grande torcedor do Sporting”, declarou o jogador.

O jogador de 33 anos defendeu os leões em 327 jogos e conquistou duas Taças de Portugal, além de duas Supertaças. “Este momento é uma mescla de sentimentos para mim, mas sinto um grande orgulho e um prazer enorme por ter saído do meu país e ter encontrado em Portugal um clube como o Sporting, que me acolheu e me deu todas as condições para trabalhar e dar o meu melhor. O Sporting, tal como Portugal, fez parte da minha vida e não irei esquecer estes nove anos”, falou.

Por fim, o zagueiro comentou a frustração de nunca ter conquistado o Campeonato Português em sua passagem pela equipe: “Esse é um desejo meu e de todos os jogadores que aqui se encontram. Tivemos a oportunidade para que isso acontecesse, mas infelizmente não foi possível. Era um objetivo, mas agora vou ficar a torcer para que isso aconteça o mais brevemente possível”.


Os comentários estão desativados.