América do SulLibertadores

Grupo 8: Huachipato

HUACHIPATO

Club Deportivo Huachipato
Como chegou à Libertadores: Campeão Clausura 2012
Melhor campanha: Primeira fase em 1975
Campanha em 2012: Não participou

 

 

Destaque

Braian Rodríguez. Bom finalizador e com um estilo de bulldog na marcação da saída adversária, o atacante uruguaio de 26 anos teve boas passagens por Peñarol e Tigre antes de desembarcar no Huachipato. Marcando 17 vezes em 2012, Rodríguez se coloca bem na área e faz bem a função de pivô.

Ponto forte

A defesa. Muñoz e Núñez não aliviam nas chegadas e muito menos desgrudam dos atacantes. Sofrendo 28 gols em 23 jogos no Clausura 2012, a retaguarda dos Acereros sabe se comportar sob pressão, ainda que a custo de alguns balões para afastar o perigo. Promete ser um paredão nesta primeira fase, dificilmente levarão mais de um gol jogando em casa.

Ponto fraco

Baixa estatura do elenco. A média de altura do Huachipato é de 1,78m. Não que fuja aos padrões chilenos nos últimos anos, mas em divididas pelo alto os Acereros sempre levam a pior. No ataque, são raros os lances de cabeça que dão certo. Em sua essência, os chilenos são mais bem sucedidos com a bola rasteira.

Até onde pode ir

Vai dar trabalho a Grêmio e Fluminense, mas não tem grandes chances de beliscar uma das vagas no grupo 8. Só uma tragédia tira algum dos brasileiros da segunda fase.

Time base

Huachipato campinho

Técnico: Jorge Pellicer

VOLTAR AO GUIA

Mostrar mais

Felipe Portes

Felipe Portes é zagueiro ocasional, cruyffista irremediável e desenhista em Instagram.com/draw.portes

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo