Bundesliga

Bayern apresenta seu maior reforço: O novo CT da base, a um custo de €70 milhões

Durante os últimos meses, os dirigentes do Bayern de Munique vêm declarando constantemente o intuito de adotar uma nova política de contratações. Ao invés de saírem ao mercado, os bávaros se concentrarão mais na formação de talentos. E um passo fundamental neste sentido foi dado nesta segunda. O clube inaugurou a nova sede de suas categorias de base. O “Bayern Campus” está localizado em uma área de 30 hectares e custou €70 milhões. Através dele, a diretoria espera desenvolver mais jogadores ao seu time principal.

VEJA TAMBÉM: Hoeness: “Não vou gastar €200 milhões em um jogador, o Bayern não participará desta loucura”

“Nós vimos a chance de gerar muito sucesso com esta academia. O Bayern Campus será outro ponto crucial para o futuro do clube, outra de nossas marcas registradas. O Bayern espera preparar seus talentos de um jeito cada vez melhor. As novas instalações também providenciarão uma resposta à atual loucura no mercado de transferências e à explosão de salários”, declarou o presidente do Bayern, Uli Hoeness. Já o prefeito de Munique, Dieter Reiter, brincou com os investimentos: “Não custou nem meio Neymar”.

A estrutura do Bayern Campus inclui um mini-estádio com capacidade para 2,5 mil espectadores; sete outros campos em tamanho oficial, seis deles com grama natural e outro com grama sintética; 35 dormitórios para os jogadores da base; refeitório e cafeterias; academias; área de reabilitação; quadras poliesportivas para a prática de outras modalidades, como basquete e handebol; entre outras instalações. O novo centro de treinamentos funciona desde o primeiro dia de agosto, embora a cerimônia inaugural só tenha acontecido nesta semana.

Anteriormente, as equipes do sub-9 ao sub-19 precisavam dividir a estrutura de Säbener Strasse, três vezes menor, com o elenco profissional e também o segundo quadro dos bávaros. O antigo alojamento da base no CT principal já começou a ser demolido e, no espaço, será construído um edifício de escritórios. Além disso, as equipes femininas também se realocarão ao novo campus.

Nos últimos anos, o Bayern aproveitou pouco as suas categorias de base. Os únicos jogadores no elenco atual que saíram dos juniores são Thomas Müller e David Alaba, ambos entre os profissionais há pelo menos sete anos – além de Hummels, que completou sua transição apenas no Borussia Dortmund. A expectativa dos bávaros é reverter este quadro, inclusive gastando menos para comprar jogadores revelados por outros clubes alemães. Ainda que seja bem mais contido no mercado de transferências do que outros gigantes continentais, o Bayern gastou €499,8 milhões em 64 contratações nas últimas cinco temporadas – 35% a mais do que qualquer outro clube alemão. Um cenário que o discurso otimista de seus dirigentes espera mudar.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo