Marshall Leonard foi a sexta escolha da quarta rodada do draft da Major League Soccer em 2002, a 45ª no geral. Trocou a Universidade de Virginia pelo New England Revolution, o qual defendeu por seis temporadas. Números de defensores: um gol e três assistências em 71 jogos. A carreira como jogador não floresceu. Completou residência como atendente de emergência na Universidade Stony Book em Long Island, ano passado, e esta semana começou o maior desafio da sua carreira: trabalhar na sala de emergência de um hospital de Nova York, epicentro da pandemia de coronavírus nos Estados Unidos.

Seu irmão Franklin anunciou pelo Twitter que Marshall começaria seu novo trabalho no último domingo. O New York Revolution enviou uma mensagem de apoio: “De todos nós, enviamos nosso agradecimento, de coração, ao ex-jogador do clube Marshall Leonard por atender ao chamado de ajudar os afetados de Nova York”.

Os EUA são o país com mais casos registrados no mundo, com 234.462 e 5.607 mortes, sendo 1.374 em Nova York, segundo levantamento da Universidade John Hopkins.

Leonard deu entrevista na última quarta-feira ao Sportscenter da ESPN americana, falou que a experiência até agora está “ok” e que usa o esporte como analogia para a situação que está enfrentando. “Entendo muito rapidamente na faculdade de medicina e na minha residência, você entende o que é a doença o que é a morte, e vê isso diariamente. No fim do dia, todos temos um objetivo em comum, que é deixar as pessoas saudáveis ou pelo menos acalmá-las em um momento de muito estresse”, disse.

Ele também afirmou que os profissionais de saúde estão com saudades dos esportes, porque, como ele, muitos costumavam assistir a algum jogo ao fim do turno para relaxar, e mandou uma mensagem para os atletas:

“Eu sei que é completamente estranho, mas usem esse tempo para se manter em forma dentro do que for possível porque, quando isto acabar, estou dizendo agora, nós precisaremos de vocês. Estamos fazendo nossa parte agora, mas, depois disso, vamos precisar de vocês porque vamos querer ver esses jogos em um alto nível”.

.