Trevor Muirhead, 43, e Neil McKenzie, 41, estão sendo investigados pela polícia. Eles são acusados de terem enviados pacotes contendo bombas para o treinador do Celtic, Neil Lennon e dois torcedores do Celtic. Ambos foram presos na última quinta-feira e estão sendo mantidos sob custódia.

Uma carta endereçada a Lennon foi interceptada no dia 4 de março. O segundo pacote foi retido pela polícia de Glasgow no dia 26 de março. Outras duas cartas contendo bombas foram enviadas para Paul McBride (advogado de Neil Lennon) e Trish Godman (membro do parlamento britânico).

 

O treinador do Celtic tem sido alvos de agressões. Na última quarta-feira, um torcedor do Hearts invadiu o campo durante a partida de sua equipe e Celtic pelo Campeonato Escocês e agrediu Lennon.

Católico e norte-irlandês, Lennon sofre perseguição religiosa desde que era jogador. Ele se aposentou da seleção Irlanda do Norte após ser ameaçado de morte por um grupo paramilitar


Os comentários estão desativados.