O Campeonato Russo retornou com público limitado em suas arquibancadas. E, nesta sexta-feira, a torcida do Zenit criou uma coreografia sobre o momento do futebol. A imagem traz uma enorme figura com máscara de proteção e uma versão gigantesca do coronavírus nas mãos. Depois de muita fumaça verde, o vírus se torna uma bola de futebol. É a transição, embora os casos de COVID-19 se espalhem por vários elencos da liga russa e comprometam seriamente a competição – com o principal episódio ocorrido nos 10 a 1 do Sochi sobre os juvenis do Rostov.

Quando a bola rolou, o Zenit derrotou o Samara por 2 a 1 em São Petersburgo. Artem Dzyuba anotou dois gols na virada e Malcom teve boa participação, com um tento anulado e a participação num lance que resultou em pênalti aos celestes. A equipe lidera o Campeonato Russo e abriu 12 pontos de vantagem sobre o Lokomotiv Moscou, segundo colocado, que ainda entrará em campo na rodada.