Não é sempre que vemos um dirigente propagandeando um de seus melhores jogadores para que outros clubes venham atrás dele, mas é exatamente isso que Marc Overmars está fazendo. Diretor de futebol do Ajax, o ex-jogador encheu Hakim Ziyech de elogios e foi além: recomendou que o Arsenal, clube que defendeu entre 1997 e 2000, vá atrás do marroquino.

Em entrevista à revista holandesa Voetbal International, Overmars falou sobre a situação de diversos destaques do Ajax na atual janela de transferências. Em meio ao interesse de clubes grandes nos jogadores que fizeram a histórica campanha semifinalista na última Champions League, um dos principais nomes segue sem uma proposta: Ziyech.

“Estou um pouco surpreso que as coisas estejam tão quietas em torno de Hakim (Ziyech). Acho que ele jogou melhor a cada ano, e suas estatísticas são excepcionalmente boas. Muitos clubes estão cada vez mais olhando isso. Eles olham mais para os números do que para o que ele mostra (em campo) e o que acontece em torno dele”, observou Overmars.

De fato, os números de Ziyech foram impressionantes em 2019/20, somando 21 gols e 24 assistências pelo Ajax, sem falar no papel geral que tinha para a criação ofensiva de um dos times mais divertidos de se ver na temporada passada. Influência que poderia ter impacto em diversos times. Overmars, por exemplo, acha que o marroquino seria um ótimo negócio para o Arsenal substituir uma de suas estrelas.

“Acho que Hakim Ziyech é melhor do que Mesut Özil. Eu diria para vendê-lo (Özil) e pegar o Hakim pela metade (do valor do alemão). Mas eles (o Arsenal) não me ouviram. Então pode ser que ele permaneça com o Ajax.”

A saída de Ziyech do clube holandês parecia a mais fácil de se concretizar entre os destaques da equipe de Erik ten Hag. Overmars já havia confirmado sua saída ao fim da temporada passada. Por um acordo que tem com o clube, o marroquino pode deixar a equipe rumo a um time de grande expressão caso uma proposta de £ 25 milhões chegue.

Quando os primeiros rumores em torno de um interesse do Arsenal surgiram, Ziyech teria ficado animado com a ideia, mas as informações mais recentes de fontes confiáveis na cobertura do Arsenal, mais especificamente o jornalista David Ornstein, dão conta de que os Gunners não querem o atleta.

Cutucada em Özil à parte, Overmars deu atualizações sobre outros jogadores também. Confirmou que está tudo certo para a saída de Matthijs de Ligt, faltando apenas uma garantia bancária para sua transferência para a Juventus. “Mas eles vão dar um jeito nisso. São italianos”, disse o diretor.

O brasileiro David Neres é outro que pode sair. Overmars disse que terá uma reunião com representantes do jogador na próxima semana e afirmou que existe uma proposta na mesa pelo ponta. Lembrou ainda que um clube chinês o quis levar no início do ano, mas o Ajax não o liberou. “Olha como isso funcionou bem para o Ajax, mas também para ele. Agora ele está na seleção brasileira.”

Independentemente do Arsenal, é realmente estranho que ninguém tenha aparecido a sério para levar Ziyech com a relativa barganha que seria sua contratação no mercado de hoje. Ótimo para o Ajax. Manter um de seus melhores jogadores não é mau negócio – contanto que a decepção de uma permanência não se estenda e tire seu foco dos objetivos do time.