O Borussia Mönchengladbach iniciou a temporada sob boas expectativas. O clube trouxe alguns reforços interessantes, manteve a maior parte de seus titulares e apostou em um técnico promissor. Ainda assim, poucos poderiam imaginar um sucesso tão rápido de Marco Rose no Borussia Park – goleada na Liga Europa à parte. Os Potros assumiram a liderança da Bundesliga neste domingo, com 16 pontos. Os alvinegros se aproveitaram dos tropeços de outros cinco times que estavam à frente ou ao lado na tabela, mas também cumpriram sua parte com louvor: golearam o Augsburg por 5 a 1.

O Gladbach não chamou tanta atenção assim durante as primeiras rodadas do campeonato. Empatou na estreia com o Schalke 04 no Borussia Park e, depois de derrotar o Mainz 05, perdeu em casa para o RB Leipzig. A arrancada veio com a boa sequência recente, emendando quatro vitórias consecutivas. Os Potros se aproveitaram da tabela mais fácil e pegaram times da metade inferior da classificação, mas cumpriram sua parte contra Colônia, Fortuna Düsseldorf e Hoffenheim. Já neste domingo, podendo assumir a liderança, a equipe de Marco Rose atropelou o Augsburg.

A goleada do Borussia Mönchengladbach se valeu bastante do início arrasador. Foram três gols nos 13 primeiros minutos. Marcus Thuram passou para Denis Zakaria iniciar a contagem. Logo depois, Alassane Pléa aproveitou a velocidade de Patrick Herrmann e ofereceu duas assistências ao ponta. Antes do intervalo, o próprio Pléa marcaria o seu, punindo um erro bisonho do goleiro Tomás Koubek. E depois que Florian Niederlechner descontou, num segundo tempo em que o Augsburg reagiu, Breel Embolo encerrou a vitória no final.

Ainda é cedo para fazer qualquer previsão incisiva sobre o Gladbach, até pelas facilidades que o time encarou. No entanto, a equipe consegue apresentar um futebol de muita potência física e eficiência neste início de campanha. Já dá para perceber algumas marcas de Marco Rose, que se notavam em seus tempos no Red Bull Salzburg. Além do mais, os homens de frente vivem um bom momento, com destaque à parceria entre Alassane Pléa e Marcus Thuram.

O resultado, de qualquer maneira, possui um gosto especial a um clube tão tradicional. Os Potros não lideravam a Bundesliga desde a terceira rodada da temporada 2011/12, sob as ordens de Lucien Favre. Já a última vez que haviam assumido a ponta na sétima rodada ou depois disso foi em 1985/86, quando Jupp Heynckes ainda vivia os primeiros anos em sua carreira como treinador. Desde 2016 o time não vencia por cinco gols ou mais.

Com 16 pontos, o Gladbach aparece dois pontos à frente dos cinco times estacionados com 14. Além disso, o Wolfsburg ainda pode chegar aos 15 na sequência da rodada. E os Potros terão um grande teste para provar a boa fase na volta da Data Fifa: pegam o Borussia Dortmund, dentro do Signal Iduna Park. Será uma chance de referendar o potencial desta equipe, no reencontro com Lucien Favre.

Classificações Sofascore Resultados