Juventus e Internazionale não passaram de um empate em seus compromissos pela Serie A no sábado, assim como o Napoli ficou no 1 a 1 contra a Spal neste domingo. A única equipe da parte de cima da tabela a realmente aproveitar o final de semana foi a Atalanta. E de que maneira: a Dea recebeu a Udinese no Estádio Gewiss e aplicou uma impiedosa goleada por 7 a 1. O detalhe é que o massacre aconteceu de virada, e se abriu depois que os friulani tiveram um jogador expulso ainda no primeiro tempo. Nada, porém, que menospreze a fome de gols mais uma vez apresentada pelos Orobici. O resultado iguala a maior goleada do clube pela Serie A, um 7 a 1 registrado contra a Triestina em junho de 1952.

A Udinese assustou a torcida em Bérgamo aos 11 minutos, quando Stefano Okaka aproveitou uma bobeira de Simon Kjaer para inaugurar o marcador. Josip Ilicic buscou o empate dez minutos depois, num contragolpe fulminante da Atalanta. Já o lance principal da partida aconteceu aos 32: Nicholas Opoku deu um carrinho desastrado dentro da área e, além de cometer o pênalti, recebeu o segundo amarelo. Luis Muriel converteu para garantir a virada dos Orobici. Antes do intervalo, Ilicic já faria o terceiro.

Os contornos da cruel goleada surgiram no segundo tempo. A Atalanta voltou a campo com tudo, para, antes dos sete minutos, mais um gol de Muriel e outro de Mario Pasalic. O sexto veio aos 30, no segundo pênalti convertido por Muriel, para completar sua tripleta. Por fim, Amad Traoré pintou os sete num belo chute de fora da área. Embora tenham passado em branco, Papu Gómez e Marten de Roon contribuíram com duas assistências cada. Já o centroavante Duván Zapata sequer jogou, lesionado.

A Atalanta tem o segundo melhor ataque das cinco grandes ligas europeias até o momento. São 28 tentos, atrás apenas do Manchester City – que, curiosamente, fez 5 a 1 sobre os italianos no duelo recente pela Champions. E o interessante é que, neste início de campanha, a Dea ainda não havia marcado mais do que quatro gols num mesmo jogo. Além disso, segundo a Opta, esta é a primeira vez em 27 anos que um time assinala 28 gols a esta altura da Serie A. O último a registrar o feito havia sido o esquadrão do Milan, com 29 tentos após nove rodadas em 1992/93.

A Atalanta encosta nos líderes e ganha respiro na terceira colocação. A equipe de Gian Piero Gasperini soma 20 pontos, contra 23 da Juventus e 22 da Internazionale, enquanto o Napoli estacionou nos 17. Os Orobici têm o melhor saldo de gols do Italiano, enquanto Luis Muriel é o vice-artilheiro do campeonato, com oito gols. A Udinese, por sua vez, ocupa o 12° lugar na Serie A.

Classificações Sofascore Resultados